Ir para o conteúdo principal

Bois Du Poitou

2 mais 2 igual a uma capacidade de armazenamento tripla

O distribuidor francês de materiais de construção Bois Du Poitou modernizou o seu armazém de madeiras e painéis na sua sede em Soudan: em vez de armazenarem as madeiras no chão como era anteriormente o caso, as madeiras são agora acomodadas em duas estantes cantiléver de dupla face, bem como em duas estantes cantiléver de uma face da OHRA, permitindo assim o seu acesso direto. Com isto, a Bois Du Poitou consegue utilizar muito melhor o pavilhão existente, reduzir consideravelmente os tempos de acesso à mercadoria e triplicar a capacidade de armazenamento.

Capacidade demasiado pequena, esforço demasiado grande

A Bois Du Poitou construiu o seu próprio pavilhão especificamente para o armazenamento de madeira esquadriada, revestimentos, painéis e outros artigos de madeira. Contudo, apesar de um tamanho de 1500 metros quadrados, a capacidade de armazenamento já não era suficiente devido ao armazenamento no chão. Além disso, o manuseamento da madeira armazenada era complexo e demorava muito tempo. Ao mesmo tempo, as mercadorias eram repetidamente danificadas durante o processo.

Expansão para a terceira dimensão

Mediante isto, a empresa decidiu despedir-se do conceito de armazenamento no chão e armazenar as mercadorias em estantes cantiléver. Para este fim, a OHRA ergueu duas filas de estantes de dupla face, cada uma com cerca de 40 metros de comprimento e sete metros de altura. Os seus braços de 1200 milímetros de comprimento, com uma capacidade de carga de 800 quilos cada um, formam sete níveis de armazenamento, estendendo assim efetivamente o espaço de armazenamento para a terceira dimensão. Duas estantes cantiléver de uma só face com quatro níveis de armazenamento nas paredes do pavilhão complementam as filas de estantes independentes.

Um novo tipo de armazenamento

Ao armazenar as mercadorias nas estantes, a Bois Du Poitou não só conseguiu triplicar a sua capacidade de armazenamento no pavilhão, como também melhorar significativamente a sua visão geral das existências. Os danos na mercadoria foram minimizados, dado que agora a mercadoria pode ser removida diretamente com o empilhador lateral e já não há necessidade de a transferir. Os tempos necessários para o armazenamento e recolha foram também significativamente reduzidos - melhorando a eficiência global dos processos de armazenamento e permitindo que os clientes sejam servidos mais rapidamente. "O sistema de estante cantiléver da OHRA significa uma nova forma de armazenamento para nós - com maior quantidade e melhor qualidade", afirma Valentin Ouvrard da Bois Du Poitou.

Sobre a Bois Du Poitou:

Fundada em 1987 em Soudan, a Bois Du Poitou oferece uma vasta gama de materiais de construção tanto para construtores privados como para profissionais. Inclui várias madeiras - do abeto ao carvalho e às madeiras exóticas - por exemplo para necessidades de carpintaria bem como materiais de isolamento, pavimentos, portas ou mobiliário de jardim.


Projeto de galeria